Aplicação IoT no Brasil

Aplicação IoT no Brasil

O Brasil ainda engatinha no campo da internet das coisas, principalmente quando a aplicação se dá em localidades remotas. As empresas ainda sofrem por problemas de cobertura dificultando a monitoração dos elementos.

Mas além destas dificuldades, um dos grandes fatores é a falta de clareza de muitas empresas em o que fazer com as informações coletadas. Estamos ainda no estágio da preocupação com a infraestrutura a ser utilizada, como qual o tipo de device a utilizar e não a monetização do IoT.

Um dos principais fatores que consideramos para início de um projeto de IoT não foge da regra básica do :

1. O que medir
2. Para que medir
3. Como medir
4. O que fazer com as informações coletadas

A percepção da VSB é de que as pessoas desejam coletar uma série de dados, mas ainda não tem a clara noção de como monetizar estas informações.

A recomendação da VSB é antes de mais nada, definir os KPI’s, ter um benchmark e fixar metas.

Em recente piloto de IoT implantado pela VSB, o objetivo era reduzir o consumo de energia elétrica em 20% de um estabelecimento no ramo de alimentação, cuja despesa representava 7,7% do faturamento deste.

Para isto fixou se os KPI’s e neste caso, coletou as informações de todos os equipamentos elétricos, o consumo de cada um na unidade de tempo, as suas variações ao longo do dia e da semana. Também comparou-se o consumo dos equipamentos similares para um benchmark.

Ao final da primeira fase do projeto, alcançamos uma redução de 25%, com potencial ainda de redução na casa dos 30% a 35% do consumo em função das análises ainda em curso. Também, por falta de histórico e da qualidade dos dados, não foi possível fazer uma análise preditiva de consumo, considerando variação de temperatura ambiental, volume de pratos/clientes a serem servidos dentre outras variáveis.

Com isto, concluímos que para que um projeto de IoT dê certo, são importantes a fixação de KPI’s, um benchmark para comparação e fixação de metas, uma base histórica de dados corretos para permitir uma análise preditiva e possibilitar a maximização dos lucros e uma otimização dos recursos com o uso de IoT.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *